Weather United States of America, Seattle United States of America, Seattle +1°C

Jornal Expresso Regional Online

Coluna do Balthazar – 1 a 7 de dezembro de 2013

Coluna do Balthazar – 1 a 7 de dezembro de 2013

Coluna do Balthazar – 1 a 7 de dezembro de 2013
December 03
12:01 2013

Arnaquinópolis 3 - A sucessão Capítulo CCIX (209)

Em nosso último e nada agradável capítulo talvez você tenha lido (eu espero) que o mistério da enorme cueca cheia de dinheiro “esquecida” no Parlamento de Anarquinópolis finalmente havia sido resolvido: pertencia ao astro da indústria pornográfica “Qi de Bengala” que havia participado de uma “festinha” no parlamento local. Leu também que na aldeia dos “mota-coqueirenses” a princesa “Fede” havia sido guilhotinada por ordem dos magistrados da capital. Porém, após um poderoso ebó jurídico, a amada princesa conseguiu ressucistar tornando o humilde vilarejo num cenário perfeito para o seriado “The Walking Dead”... Veja o que aconteceu logo em seguida...
Fede, a princesa louca, já comemorava sua ressuscitarão mostrando a todos sua calça/cadeira furada como troféu. No entanto, ao tentar queimar alguns documentos comprometedores, a princesa acabou soltando um gás inflamável intestinal provocando uma autocombustão: morreu de novo! E seus fies seguidores voltaram à romaria, apelando a padres, macumbeiros, pastores e até xamãs do vodu na expectativa de ressuscitá-la novamente.
Porém, não era apenas a agora ex-falecida princesa Fedi que passava por problemas. Em Anarquinópolis as coisas começaram a apertar novamente para nosso amado ex-príncipe Filomeno, o Boneco de Olinda: o mesmo tribunal que determinou a decaptação da princesa “Fede” condenou Fiomeno a devolver meio pro cento de todo o dinheiro que, digamos assim, havia “sumido” em seu governo. Logo, uma peregrinação de fies excomungados da Igreja da Divina Ação Salvadora (fundada por Filomeno) começaram uma romaria no JeegueBook (rede anti-social onde nobres e plebeus trocavam ofensas via lombo de jegue) para tentar desmentir a mentira verdadeira que continha calúnias legítimas.
Enquanto isso, longe de toda esta confusão, nosso herói, o príncipe Bonitinho Calças Quadradas (aham! Pensou que não falaria dele?) tentava amenizar os efeitos de um grande alagamento que transformou Anarquinópolis num grande piscinão de ramos. Logo, nosso amado governante montou em seu JetSky e fez o que qualquer governante faria em calamidades públicas como esta: posou para fotografias e fez um vídeo bonitinho para postar no JeegueBook.
Mas não era apenas em Anarquinópolis que as coisas estavam feias. No principado visinho de “Os Ricos Comem Ostras”, nosso entretido príncipe “Sabido” embalado na vibe da publicidade positiva criada por Dr. Bonitnho resolveu inovar. E fez uma filmagem comovente de si mesmo empunhando uma vassoura e limpando as ruas. A cena foi tão bem aceita na comunidade, que a rainha do país, “Dimás Feia” resolveu indicar o curta-metragem para concorrer ao Oscar. Sabido, é claro, levou a estatueta de melhor ator coadjuvante, já que o campeão da disputa acabou sendo Dr. Bonitinho, que acabou seduzindo o júri, formado por cineastas transgêneros, com seus lindos olhos azuis...

Colocou todo mundo no bolso

Impressionante a falta de habilidade da “ala governista” do PT macaense, liderada pelo vereador Luciano Diniz nas eleições internas do partido. Seu candidato, Glauro Franco, teve que desistir de disputar o segundo turno para evitar uma vexatória derrota. Ponto para o vereador de oposição Igor Sardinha que, contra tudo e todos, conseguiu eleger seu candidato Denilson Machado.

Por falar em PT Macaé

O partido nunca foi mesmo um exemplo de união. Desde o ano de 2003, quando um conturbado processo interno indicou o próprio Diniz como vice na chapa de Fred Kohler, o partido com o maior número de filiados em Macaé tem mostrado sua vocação para ser coadjuvante. Depois, na maior contradição histórica, o PT aceitou ser rabo (vice) de Riverton Mussi. Agora, no governo Dr. Aluízio, a sigla nem sabe mais o que é...

A política dos 500 reais

Uma prostituta de luxo, segundo a cotação do mercado negro do sexo, custa em média de R$ 1.500 a R$ 2.000 por noite nas praças do Rio e de São Paulo. Muito mais do que alguns jornalistas macaenses que estão recebendo “bola” de R$ 500 reais para falarem de vereadores em suas “notinhas”. As meretrizes valem mais....

E o salário ó...

Enquanto, de R$ 500 em R$ 500 espertalhões enchem o bolso, a maioria dos jornalistas macaenses não chega a ganhar R$ 1.500,00 por mês para ralarem que nem uns condenados com até 12 horas de trabalho diário nas redações dos milionários jornais diários. 

Mudando de assunto 

A executiva nacional do PMDB avalia a desistência da candidatura do vice-governador Luiz Fernando Pezão à sucessão estadual, no Rio de Janeiro. O desânimo é provocado pelo desempenho pífio de Pezão nas pesquisas, empacado em irrisórios 4% das intenções de votos, e na queda-livre do governador-problema Sérgio Cabral. A cúpula do partido já acha boa ideia aliar-se a Lindbergh Farias (PT), inimigo de Cabral.

Share

Related Articles

2 Comments

  1. Rose Rocha
    Rose Rocha December 31, 10:01

    Bom final de Ano, que o Senhor Nosso Deus lhe dê saúde, paz e alegria em todos os seus dias.
    Mas por favor , arrume discipulos para o senhor não deixe que sua sabedoria venha acabar, passe ela adiante, pois o senhor tem a forma correta de falar ao povo aquilo que precisamos saber mas, com alegria, e isso é muito difícil de acontecer, meus parabéns. Deus te abenções com sua familia.

  2. Expresso Regional
    Expresso Regional Author January 02, 11:21

    Obrigado. Um excelente 2014 pra você também!!!

Write a Comment

Your email address will not be published.
Required fields are marked *

Publicidade

Publicidade

CURTA NO FACEBOOK

'