Luana Piovani comenta caso Zé Mayer e alfineta Dolabella

Por Jornal Expresso 06/04/2017 - 10:12 hs

Em seu canal no YouTube, Luana Piovani resolveu comentar a denúncia de assédio sexual envolvendo José Mayer. A atriz aproveitou a oportunidade para polemizar e citou Dado Dolabella - que a agrediu quando ambos se relacionavam, em 2008.

"Garrincha enchia a Elza Soares de porrada e é lembrado como herói no Brasil. Dado Dolabella ganhou R$ 2 milhões num reality 6 meses depois de bater na minha cara, em votação popular", disse a loira.

A artista detonou também Cadu Moliterno, ao relembrar que o artista foi outro acusado de bater na ex-companheira e mãe de seus filhos, Ingrid Saldanha, em 2014. "Cadu Moliterno, que já foi meu par, bateu na esposa. Ela foi capa da revista ‘Veja’ com a manchete: ‘Não foi a primeira vez’. E não soube de condenação. Continua trabalhando, fazendo novelas, posando com as novas namoradas para as revistas de celebridades."

A esposa de Pedro Scooby, então, elogiou a postura de Susllen Tonani por denunciar Mayer. "Não é o primeiro assédio e com certeza não será o último. O que acho genial é que ela rompeu o silêncio, falou. O que mais existe é assédio em ambiente de trabalho, em ambiente de subalterno."

E continuou: "Às vezes agente elege um Judas para bater em praça pública. Por que estou falando isso? Porque as pessoas que cometem erros, assim como eu, aprendem".

ASSISTA AO VÍDEO