Weather United States of America, Seattle United States of America, Seattle +6°C

Jornal Expresso Regional Online

Prefeitura atrasa pagamentos e deixa população revoltada

Prefeitura atrasa pagamentos e deixa população revoltada

Prefeitura atrasa pagamentos e deixa população revoltada
May 19
18:40 2015

Desde o dia 10 de março, Quissamã conta com um novo prefeito: Nilton Pinto assumiu o governo interinamente no lugar de Octávio Carneiro, licenciado por problemas médicos. No entanto, mesmo com um novo governo a cidade ainda enfrenta velhos problemas. Funcionários prestadores de serviço da Saúde, através da Oscip Invisa reclamam que seus salários, referente ao mês de abril não haviam sido depositados na data correta. A denúncia veio a público através de pronunciamento do vereador Marcinho Pessanha, na sessão legislativa do último dia 13. Pelas redes sociais, funcionários, revoltados, reclamam que esta prática se repete desde o início deste ano.


“Não teve um mês, durante o ano de 2015 que eu tenha recebido meu salário em dia. E o pior é que a pessoa liga para saber por que o pagamento está atrasado e ainda está errada. O pagamento é direito meu, eu trabalhei o mês inteiro para chegar o dia de receber ir ao banco e não ter depositado nada. E ninguém me dá uma satisfação de quando vão pagar”, desabafou a funcionária Carol Lopes.


No seu pronunciamento na Câmara, Marcinho Pessanha reiterou que a prática de atrasar pagamentos é recorrente há pelo menos três anos e mostra o desrespeito da atual administração com o trabalhador quissamaense. “Recebi o relato de uma servidora que não teve como fazer um almoço para o dia das mães porque o seu pagamento não foi depositado. Mesmo assim, no sábado, os funcionários trabalharam das 8 da manhã às 17 horas na campanha de vacinação. Ou seja, o servidor trabalha com amor e dedicação e, na hora de ter o mínimo, que é seu pagamento em dia é tratado com esta falta de respeito e consideração por este desgoverno”, criticou.


Além do problema na folha de pagamento da saúde, o vereador relatou diversos outros problemas que assolam a cidade, como lixo pelas ruas e falta de iluminação pública. Falou ainda, sobre uma reivindicação dos professores que não estão mais recebendo seus contracheques em suas unidades escolares de origem, como era de costume. “É impressionante a capacidade desta turma que governa a cidade de atrapalhar a vida do cidadão. Por exemplo, a prefeitura cobra a taxa de iluminação pública dos cidadãos e as ruas da cidade não estão iluminadas. Sem falar do lixo espalhados pelas ruas. É revoltante”, resumiu.


Turbulência política — O vice-prefeito Nilton Pinto está no poder desde o dia 10 de abril. Assumiu o poder em lugar de Octávio Carneiro que pediu licença alegando problemas de saúde. No entanto, a administração municipal está afundada em uma crise política que reultou na abertura de um processo de cassação contra o prefeito. Pinto assumiu a administração prometendo mudanças e equilíbrio nas contas públicas. No entanto, até agora, nenhuma mudança efetiva foi realizada em sua gestão.
Por e-mail, a equipe de reportagem do Expresso Regional entrou em contato com a Coordenadoria de Comunicação Social da Prefeitura de Quissamã pedindo explicações a cerca das denúncias de atraso no pagamento. Em nota, nos foi informado que a Prefeitura efetuou na quinta-feira (14), o repasse para pagamento da empresa Invisa, que por usa vez, já regularizou o pagamento dos prestadores de serviço. A data correta para o pagamento, no entanto é até o quinto dia útil do mês.

SALARIO

Share

Related Articles

0 Comments

No Comments Yet!

There are no comments at the moment, do you want to add one?

Write a comment

Write a Comment

Your email address will not be published.
Required fields are marked *

Publicidade

Publicidade

CURTA NO FACEBOOK

'