Weather United States of America, Seattle United States of America, Seattle 0°C

Jornal Expresso Regional Online

“Steve Jobs” estreia nos EUA em meio a expectativa e boas críticas

“Steve Jobs” estreia nos EUA em meio a expectativa e boas críticas

“Steve Jobs” estreia nos EUA em meio a expectativa e boas críticas
October 09
17:02 2015

"Steve Jobs", filme sobre o cofundador da Apple e protagonizado por Michael Fassbender, estreia nesta sexta-feira (9) nos Estados Unidos favorecido pela boa crítica e após superar várias tentativas de boicote que levaram o cineasta David Fincher e vários atores a abandonar o projeto.

O filme, dirigido finalmente por Danny Boyle ("Trainspotting", "Quem Quer Ser um Milionário") e com roteiro de Aaron Sorkin ("A Rede Social"), se centra em três momentos da carreira de Jobs: a apresentação do computador Macintosh (1984), a estação de trabalho NeXT (1988) e o iMac (1998).

As cenas se centram nos diálogos eletrizantes dos atores e seu frenético ir e vir, enquanto tentam solucionar os problemas prévios à apresentação de um produto.

Fassbender dá vida a um Jobs feroz, mas também a um Jobs com personalidade atrativa e sedutora que o torna perigoso nas distâncias curtas, em uma interpretação que a revista "Hollywood Reporter" classifica de brilhante e "engenho selvagem".

A direção, o roteiro e a interpretação de "Steve Jobs" alcançam a "perfeição"; seu frescor e concepção são tão surpreendentes que deixam o espectador "boquiaberto", assegura a "Hollywood Reporter".

O site "The Verge" comemora também a interpretação de Fassbender por suas "camadas e matizes" e por captar as contradições que definem a figura de Jobs, refletidas na cena na qual nega, sem sentimentalismo, a paternidade de sua filha de cinco anos, à qual mais tarde reconheceria e que se encontra nesse momento em frente a ele.

O filme conta também com a presença de Seth Rogen, que dá vida a Steve "Woz" Wozniak, cofundador da Apple, e Michael Stuhlbarg, que interpreta ao desenvolvedor do software Andy Hertzfeld, desencadeante da ira de Jobs por não ser capaz de que o protótipo do computador Mac dissesse "olá".

A eles se soma Jeff Daniels, no papel de John Sculley, executivo-chefe da Apple que demite Jobs e lhe provoca sua vingança; e Kate Winslet, que encarna Joanna Hoffman, responsável de marketing e uma das poucas pessoas que diz a Jobs as verdades na cara.

O filme se concentra nos anos jovens do cofundador da Apple e não mostra o Jobs maduro e milionário, que morre aos 56 anos, em 2011, vítima de um câncer de pâncreas.

O filme ressalta também o lado mais humano de Jobs, como quando minutos antes da estreia do iMac, e triunfal após ter recuperado seu posto como executivo-chefe da Apple, comenta com sua filha Lisa, de 19 anos, que é imperfeito.

O filme de duas horas mostra um homem brilhante cuja visão ajudou a guiar o mundo rumo ao século XXI, mas também um executivo que pode ser impiedoso com os funcionários e a família.

À estreia seletiva nesta sexta-feira em cinemas de Nova York e Los Angeles seguirá a generalizada no dia 23 de outubro. Assim se põe fim a uma longa saga que incluiu, segundo a "Hollywood Reporter", tentativas de boicote do filme por parte da viúva de Jobs, Laurene Powell.

Boyle, o diretor, reconheceu que nem Powell nem o atual executivo-chefe da Apple, Tim Cook, ajudaram o projeto. "Houve momentos difíceis. Não quero falar sobre isso", afirmou o cineasta.

Outra fonte, que a "Hollywood Reporter" classifica como "chave", assegurou que a viúva de Jobs tentou "matar" o filme desde o começo e telefonou os atores Leonardo DiCaprio e Christian Bale para que não aceitassem interpretar Jobs.

Sorkin confessou também que a pressão à qual foui submetido foi sufocante: "Estou farto do Vale do Silício", afirmou o roteirista recentemente no programa de televisão "The Daily Show".

Ao que acrescentou que "a última coisa" que alguém pode querer é contrariar os gênios do Vale do Silício (Califórnia), epicentro da indústria tecnológica nos EUA.

O diretor David Fincher, que dirigiu "A Rede Social", renunciou em 2014 a dirigir a última filme sobre Steve Jobs devido às supostas "exigências agressivas" que recebeu por parte dos produtores. 

primeira-imagem-do-ator-michael-fassbender-como-steve-jobs-no-ste-de-filmagem-da-cinebiografia-do-fundador-da-apple-1422924825644_615x300

Share

Related Articles

0 Comments

No Comments Yet!

There are no comments at the moment, do you want to add one?

Write a comment

Write a Comment

Your email address will not be published.
Required fields are marked *

Publicidade

Publicidade

CURTA NO FACEBOOK

'