camara corona

Anselmo Prata terá papel de destaque num possível governo de Bernard

Indicando a vice na chapa, vereador terá papel semelhante ao que exerceu no governo do pai, o ex-prefeito Rubem Vicente

Por Redação em 18/09/2020 às 12:53:39

Indicando a própria esposa, a ex-vereadora Dilcinha para ser vice na chapa de Bernard Tavares, o vereador Anselmo Prata (PSC) é uma figura conhecida no cenário de Carapebus. Antes de se tornar um empresário de muito sucesso e presidente da Câmara Municipal, Anselmo era figura de destaque junto ao governo de Eduardo Cordeiro (2001-2005). Não à toa, o pai de Anselmo, Rubem Vicente foi eleito em 2004 como prefeito de Carapebus, tendo no palanque o próprio Eduardo. Na prefeitura, Anselmo e Eduardo governavam a prefeitura a quatro mãos, porém era Anselmo, então secretário de governo do pai, que falava mais grosso. Se não fosse um processo criminal no meio do caminho, que levou ambos para a prisão, acusados de integrarem um suposto grupo de extermínio (os dois posteriormente foram absolvidos das acusações), o casamento teria durado mais tempo.

Hoje, muitos anos depois, tanto Anselmo, quanto Eduardo voltam ao protagonismo da política, não mais como aliados, porém como possíveis "iminências pardas" nos governos que podem compor. Eduardo luta pela reeleição da sua esposa (já declarada como inelegível) ou de seu sobrinho, que está aguardando no banco de reservas. Já Anselmo assumiu o protagonismo da campanha de Bernard Tavares (Republicanos) com a promessa de exercer, num possível mandato de Bernard, o mesmo papel de destaque que teve no governo do pai, Rubem Vicente. E, se Bernard não cumprir o acordo? A vice prefeita dele será a própria esposa de Anselmo. Para ele assumir completamente o governo é mais fácil do que se imagina.

Comentários